×

Uh-oh, it looks like your Internet Explorer is out of date.

For a better shopping experience, please upgrade now.

Esaú e Jacó
     

Esaú e Jacó

by Machado de Assis
 
Um grande romance de Machado de Assis. Um retrato do Brasil império, através da figura do Conselheiro Aires e seus filhos. Este livro, escrito no auge da carreira de Machado de Assis, continua como um dos pontos altos da literatura brasileira.

"Natividade e Perpétua conheciam outras partes, além de Botafogo, mas o Morro do Castelo,

Overview

Um grande romance de Machado de Assis. Um retrato do Brasil império, através da figura do Conselheiro Aires e seus filhos. Este livro, escrito no auge da carreira de Machado de Assis, continua como um dos pontos altos da literatura brasileira.

"Natividade e Perpétua conheciam outras partes, além de Botafogo, mas o Morro do Castelo, por mais que ouvissem falar dele e da cabocla que lá reinava em 1871, era-lhes tão estranho e remoto como o clube. O íngreme, o desigual, o mal calçado da ladeira mortificavam os pés às duas pobres donas. Não obstante, continuavam a subir, como se fosse penitência, devagarinho, cara no chão, véu para baixo. A manhã trazia certo movimento; mulheres, homens, crianças que desciam ou subiam, lavadeiras e soldados, algum empregado, algum lojista, algum padre, todos olhavam espantados para elas, que aliás vestiam com grande simplicidade; mas há um donaire que se não perde, e não era vulgar naquelas alturas. A mesma lentidão do andar, comparada à rapidez das outras pessoas, fazia desconfiar que era a primeira vez que ali iam. Uma crioula perguntou a um sargento: "Você quer ver que elas vão à cabocla?" E ambos pararam a distância, tomados daquele invencível desejo de conhecer a vida alheia, que é muita vez toda a necessidade humana."

Product Details

BN ID:
2940015782172
Publisher:
Optimitek
Publication date:
11/24/2012
Series:
Classics of Brazilian Literature , #5
Sold by:
Barnes & Noble
Format:
NOOK Book
File size:
265 KB

Meet the Author

Joaquim Maria Machado de Assis foi um escritor brasileiro. Considerado o melhor escritor brasileiro, não pertencendo a nenhuma escola literária (diz-se que seu estilo é puramente machadiano) escreveu obras memoráveis, como Memórias Póstumas de Brás Cubas, Dom Casmurro, Quincas Borba e vários livros de contos, entre eles, Papéis avulsos, no qual se encontra uma das maiores obras-primas da literatura universal, o conto (ou novela) O Alienista, que discute a loucura. Também escreveu poesia e foi um ativo crítico literário, além de ser um dos criadores da crônica no país. Foi o fundador da Academia Brasileira de Letras.

Customer Reviews

Average Review:

Post to your social network

     

Most Helpful Customer Reviews

See all customer reviews